Coronavírus

Daniel Soranz fala sobre situação da variante Ômicron no município do Rio

Secretário Municipal de Saúde, concedeu um entrevista ao Programa 'Radar Tupi' na noite desta segunda-feira (27)

Por Redação Tupi

Na imagem, Daniel Soranz, secretário Municipal de Saúde
Daniel Soranz (Foto: Talita Giudice / Super Rádio Tupi)

O Secretário Municipal de Saúde, Daniel Soranz, concedeu uma entrevista ao vivo no quadro ‘Linha Aberta’ do Programa Radar Tupi, apresentado pelo comunicador Cristiano Santos, na Super Rádio Tupi, na noite desta segunda-feira (27).

Soranz falou sobre a real situação da variante Ômicron aqui no município do Rio de Janeiro. De acordo com o secretário é sempre uma preocupação para a cidade do Rio o surgimento de uma nova variante.

Apesar disso há um cenário invejável em relação a Covid-19 se comparado com a maioria das outras cidades no país. Até esta segunda-feira (27), apenas 11 pessoas se encontram internadas com a Covid-19, segundo o secretário.

Daniel Soranz atribuiu o baixo número de casos graves do coronavírus a vacinação. Segundo ele os cariocas aderiram a vacina e atualmente 80% da população já está vacinada com as duas doses do imunizante.

“ A variante Ônicron é uma nova variante que pode mudar todo esse canário dia para a noite, a gente sabe que essa é uma variante que se dissemina muito mais rápido do que as demais variantes e também sabemos que ela causa menos internações e óbitos”, disse o secretário durante a entrevista.

Ouça a entrevista completa concedida pelo Secretário Municipal de Saúde ao Programa “Radar Tupi” desta segunda-feira (27):

 

No último domingo (26) o A Secretaria Estadual de Saúde informou que está, a investigando 46 casos suspeitos da variante Ômicron em 9 municípios do estado. No Rio, 31 suspeitos, Angra dos Reis, 4, Cabo Frio, 1, Macaé, 2, Nilópolis, 1, Niterói, 2, São Gonçalo, 1, Saquarema, 1 e Volta Redonda, 3.

A secretaria ressaltou que não se trata de casos confirmados da variante, uma vez que este tipo de análise empregada nos exames serve como método de triagem. Paralelamente, a SES já entrou em contato com as vigilâncias desses municípios para que possam realizar a investigação e acompanhamento dos pacientes e pessoas que entraram em contato com os casos suspeitos.

A SES orienta ainda que para aqueles pacientes em que ainda não for possível realizar o teste PCR, equipe das vigilâncias municipais vão coletar o exame para serem analisados. Os casos positivos seguirão para sequenciamento no laboratório de referência da Fiocruz.

 

 



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Janeiro de 2022 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »