Rio

DHBF prende três suspeitos de envolvimento com a milícia que atua em Belford Roxo

Grupo paramilitar é responsável por realizar cobranças indevidas à moradores e comerciantes

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação

Três homens suspeitos de integrarem uma milícia que atua em Belford Roxo foram presos por agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), neste sábado. Cássio de Souza Lirio, Gabriel Pereira da Rocha, o Piolho, e Adriano Lopes Maria foram capturados num condomínio do Minha Casa Minha Vida, no bairro do Babi.

Segundo o delegado Moyses Santana, o grupo é responsável por realizar cobranças indevidas à moradores e comerciantes. “Fazem cobranças de taxas de segurança, extorsões e agiotagem”.

De acordo com as investigações, moradores seriam obrigados a pagar uma taxa de R$ 25, enquanto pequenos comerciantes, como barraqueiros, pagam R$ 50 e comércios maiores, como mercados, são obrigados a desembolsar R$ 100.

Além disso, os paramilitares também marcavam o domínio do território na região com pichações. Dizerem como “5.5. Babi Paz” estão escritos em muros e paredes. “Essa sigla 5.5 quer dizer que a comunidade está tranquila”, explica o delegado Moyses Santana.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
08 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show de Bola
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »