Rio

Governo do Rio analisa reabertura de hospital em Casimiro de Abreu

Emenda de R$ 1 milhão ao Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2021 foi apresentada na Alerj para reforma e aparelhamento do Hospital de Barra de São João

Por Redação Tupi

Emenda de R$ 1 milhão ao Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2021 foi apresentada na Alerj para reforma e aparelhamento do Hospital de Barra de São João
(Foto: Reprodução)

O Hospital Gélio Alves Faria, no município de Casimiro de Abreu, na Região dos Lagos, poderá retomar atendimentos. Em reunião com o deputado estadual Filippe Poubel (PSL), o governador em exercício, Cláudio Castro (PSC), afirmou que a reabertura está entre as metas do governo estadual. Para contribuir, Poubel apresentou emenda de R$ 1 milhão ao Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2021 para reforma e aparelhamento do Hospital de Barra de São João, como a unidade é conhecida.

Filippe Poubel especificou o recurso como emenda de prioridade. Assim, por já existir um programa de trabalho para estruturação de unidades, realizado pela Secretaria de Saúde, o governo estadual tem condições de executar a emenda para reativação de atividades no Hospital de Barra de São João.

Em junho de 2020, durante as fiscalizações ao hospital de campanha de Casimiro de Abreu, que nunca funcionou para atendimento de pacientes com Covid-19, Filippe Poubel verificou que em frente à tenda existe o hospital fechado de Barra de São João. Na época, segundo o deputado, somente o diretor administrativo estava presente, não havia médico, enfermeiro ou outro funcionário, apesar de Filippe Poubel ter flagrado um livro de ponto assinado por cerca de 100 funcionários, mesmo sem terem trabalhado.

O diretor administrativo justificou que a unidade estava sem atendimento de urgência desde 2001, mas vinha realizando atendimento ambulatorial até antes da pandemia, quando tudo foi suspenso. Filippe Poubel destacou ao governador que, além de Casimiro de Abreu, a reabertura também beneficiaria moradores de Búzios, Cabo Frio, Rio das Ostras, São Pedro da Aldeia, Arraial do Cabo e Macaé.

“É desperdício de dinheiro público deixar um hospital fechado com equipamentos. Vou seguir conversando com o governo para a execução da nossa emenda ocorrer o mais breve possível. A reabertura é um pedido da população, o Hospital de Barra de São João, bem administrado, pode voltar a ser referência em Casimiro e toda Região dos Lagos”, afirma Filippe Poubel, cuja reunião com o governador foi realizada no dia 22 de dezembro, no Palácio Guanabara.

 

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »