Patrulhando a Cidade

Justiça mandar soltar amigo de Ronnie Lessa, preso 117 peças de fuzil em casa

Lessa é denunciado como o autor dos disparos que mataram a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação

A prisão preventiva de Alexandre Motta de Souza foi revogada pela 40ª Vara Criminal do Rio, nesta quinta-feira. Em março, uma operação da polícia encontrou na casa dele 117 peças que seriam de fuzil. O material seria de seu amigo, o PM reformado Ronnie Lessa, denunciado como o autor dos disparos que mataram a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes.

A juíza Alessandra Bilac acolheu o parecer favorável do Ministério Público à liberdade de Alexandre, após policias que participaram da prisão informarem que o homem apontou o local onde as caixas, ainda lacradas, estavam guardadas. Ao serem abertas, ele reagiu com surpresa e desespero.

Durante uma audiência por videoconferência, Alexandre afirmou que as peças pertenciam a Ronnie Lessa, que pediu apenas para guardar em sua casa. Já o PM aposentado negou as acusações, alegando que o material encontrado eram itens de airsoft.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
01 de Abril de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Isabele Benito
« Programa Anterior
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »
-->