Conecte-se conosco

Rio

Liesa vai realizar nova assembleia nesta quarta-feira

Justiça negou pedido da Imperatriz e Liga faz hoje nova audiência para discutir "desvirada de mesa"

Publicado

em

Foto: Reprodução

O pedido da liminar da Imperatriz Leopoldinense para afastar o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) e anular as decisões tomadas por Jorge Castanheira, após sua renúncia, foi rejeitado pela Justiça na noite desta terça-feira. Desta forma, a assembleia geral, marcada para esta quarta-feira, está mantida.

Na decisão, a juíza Priscila Fernandes Botelho da Ponte, da 3ª Vara Cível da Capital, entendeu que não há questões a serem apreciadas pelo Poder Judiciário e que, os problemas devem ser resolvidos internamente pela Liesa, baseado no estatuto da organização.

Em 3 de junho, o não rebaixamento foi definido por oito votos a favor e cinco contra. No dia 26, três escolas resolveram mudar de lado. A reunião da Liesa com os dirigentes das escolas de samba desta quarta é para discutir uma “desvirada de mesa”.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *