Rio

Por inadimplência, concessionária do VLT pede rescisão do contrato

Atualmente, o VLT transporta mais de 80 mil passageiros

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação

O VLT Carioca pode estar com os dias contados. A concessionária responsável pelo serviço solicitou a suspensão do contrato por inadimplência da Prefeitura do Rio. Conforme divulgado pelo jornal O Dia, os valores devidos passam de R$ 150 milhões.

A concessionária já acionou a Justiça. O contrato tem validade de 25 anos. Atualmente, o VLT transporta mais de 80 mil passageiros.

“Em todas as tentativas de acordo, a concessionária buscava uma solução para o acerto da dívida relacionada ao investimento feito para a implantação das linhas, que não tem relação com o número de passageiros transportados. O contrato prevê que o investimento realizado para a construção do sistema seja retornado ao longo do tempo como uma espécie de financiamento de longo prazo. Com o pagamento interrompido desde maio de 2018 essa dívida hoje ultrapassa os R$ 150 milhões. Ainda assim, o VLT manteve a prestação do serviço sem reduzir as operações, o que tem sido possível apenas com aportes extras realizados pelos acionistas. É assim que o sistema segue transportando seus mais de 80 mil passageiros diários, que poderiam chegar, por exemplo, a 150 mil, com a entrada da linha 3 e a reorganização de linhas de ônibus no Centro. A Concessionária lamenta que um investimento deste porte realizado na mobilidade urbana da cidade, vital para o desenvolvimento da região portuária e que conecta todos os modais da região central de forma sustentável, não seja valorizado”, informa o VLT na nota.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show de Bola
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »