Rio

Prefeitura do Rio faz operações de fiscalização e reboca 508 veículos

Um dos alvos foi o estacionamento na orla carioca, que está proibido sábados, domingos e feriados

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação Seop / Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Guarda Municipal, do Instituto de Vigilância Sanitária e das secretarias de Fazenda e de Ordem Pública, fiscalizou diversos pontos da cidade neste fim de semana (12 e 13/12) para verificar o cumprimento de novas medidas adotadas para conter o avanço da pandemia de Covid-19. Um dos alvos dos agentes foi o estacionamento na orla carioca, que está proibido aos sábados, domingos e feriados.

A seguir, o balanço completo das ações dos órgãos envolvidos:

GUARDA MUNICIPAL

Fiscalização de Trânsito – A Guarda Municipal registrou 349 multas de trânsito neste fim de semana (12 e 13/12) na orla das zonas Sul e Oeste da cidade, sendo a maioria por estacionamento irregular em local proibido. Do total, 120 foram aplicadas neste domingo.

Fiscalização das infrações sanitárias – A Guarda Municipal registrou 10.019 infrações sanitárias, de 5 de junho a 30 de novembro, durante as ações de fiscalização voltadas ao enfrentamento da pandemia da Covid-19. Deste total, 8.256 notificações (82,40%) foram pela falta do uso de máscara e 618 por aglomeração em estabelecimentos comerciais, incluindo filas e em casos de aglomerações em via pública.

O número de notificações do mês de dezembro será atualizado na próxima semana.

FAZENDA

A Subsecretaria de Licenciamento, Fiscalização e Controle Urbano, da Secretaria Municipal de Fazenda, realizou ações de ordenamento na cidade. A Coordenadoria de Controle Urbano inspecionou o comércio ambulante nos bairros de Vila Isabel, Centro, Barra da Tijuca, Urca, Copacabana e Barra de Guaratiba. Entre as áreas visitadas estão Rua do Resende, Avenida Gomes Freire,  Praça do Ô  e as orlas de Copacabana e Barra de Guaratiba.

Ao todo, 80 ambulantes entre regulares e irregulares foram fiscalizados, 12 multados e 24 orientados para saírem da via pública.  O total de itens apreendidos foi de 34, entre cadeiras, mesas e bebidas alcóolicas comercializadas em garrafas de vidro, o que não é permitido pela legislação.

Os ambulantes que descumprirem as regras vigentes nos decretos podem ser multados, terem a mercadoria apreendida e, caso persistam na irregularidade, perder a licença.

A Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização verificou estabelecimentos dos bairros de Vila Isabel, Centro, Vila Valqueire e Barra da Tijuca.  Ao todo, 11 pontos foram autuados pelo uso de mesas e cadeiras nas calçadas sem autorização. Na Barra da Tijuca, um mesmo estabelecimento foi multado não só pelo uso de mesas e cadeiras nas calçadas sem a devida autorização, mas também pelo funcionamento em desacordo com o alvará.

Vale lembrar que os estabelecimentos que descumprirem a legislação vigente podem ser multados, interditados e terem o processo de cassação do alvará de licença iniciado.

VIGILÂNCIA SANITÁRIA

O Instituto de Vigilância Sanitária fez 24 inspeções na cidade neste fim de semana e aplicou 14 infrações por motivos como aglomeração, falta de asseio e presença de alimentos impróprios ao consumo. Também ocorreram quatro intimações e uma interdição total (estabelecimento clandestino, sem documentação).

Desde o início da pandemia, em março, a Vigilância Sanitária fez 13.445 inspeções com foco em coibir o descumprimento das Regras de Ouro, a falta de condições higiênico-sanitárias e aglomerações nos estabelecimentos. Foram aplicadas 5.715infrações, sendo 559 por aglomeração, e 375 estabelecimentos foram interditados.

ORDEM PÚBLICA

A Coordenadoria de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (Cfer), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), removeu 508 veículos, das 6h de sábado (12) às 17h deste domingo (13), nas áreas da orla proibidas ao estacionamento – uma das medidas de prevenção à pandemia anunciadas pela Prefeitura e pelo governo estadual na última quinta-feira (10). A operação contou com 34 reboques por dia, que circularam por pontos do Rio Rotativo e em vias estratégicas das zonas Sul e Oeste.

Vagas proibidas – O uso de vagas da orla do trecho entre o Leme e o Pontal voltou a ser proibido nos fins de semana e feriados, a partir desse sábado (12), exceto para moradores e usuários de vagas especiais. Para terem o direito, os moradores devem deixar à mostra, no painel do veículo, o Cartão Morador (emitido pela CET-Rio) ou comprovante de residência, podendo utilizar vagas da sua localidade. Já os usuários de vagas especiais (idosos e deficientes físicos) devem expor o cartão obrigatório de beneficiário. A multa para este tipo de estacionamento irregular, pelo Código de Trânsito, é de R$ 195,23, além das tarifas de reboque.

Veículos rebocados – Antes de ir aos depósitos municipais (São Cristóvão e Recreio dos Bandeirantes), o cidadão pode consultar se teve o veículo removido por estacionamento irregular pela Prefeitura no site da Seop: http://www.rio.rj.gov.br/web/seop. Para evitar fraudes, o pagamento das taxas deve ser efetuado diretamente em caixas eletrônicos, bancos e em estabelecimentos essenciais conveniados, como supermercados e farmácias, não sendo executado via internet ou aplicativos.

 

Comentários

enquete

Fluminense tem chances de avançar na Libertadores?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
06 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »