Economia

Procon-RJ encerra ciclo de mutirões para acordos com concessionárias

Todas as empresas participantes se comprometeram a oferecer condições especiais para os mutirões

Por Marcos Antonio de Jesus

Imagem de uma atendente do Procon RJ
(Foto: Divulgação / Procon RJ)

O Procon Estadual do Rio de Janeiro está promovendo, desde o mês passado, mutirões de negociação de dívidas entre consumidores e concessionárias de luz, água e gás. Os eventos foram organizados para ajudar a população fluminense que está passando por dificuldades financeiras, especialmente devido à pandemia de Covid-19.

A primeira foi a Light, depois participaram Enel, Naturgy e Cedae. A autarquia recebeu ao todo 5.863 inscrições. Apesar das inscrições terem sido encerradas, as negociações estão em curso, sempre com a presença de um servidor do Procon-RJ atuando como mediador. As inscrições foram virtuais e, para participar, o consumidor precisava apenas preencher um formulário on-line.

Todas as empresas participantes se comprometeram a oferecer condições especiais para os mutirões. Dívidas puderam ser negociadas de forma parcelada, sem juros, multa e entrada. Dependendo do caso, a concessionária de água e esgoto irá parcelar os débitos em até 60 vezes; já as de luz e gás, em até 24 vezes.

“Os números mostram como aumentaram os inadimplentes na pandemia e que muitos desejam sanar suas dívidas. Ficamos realizados em poder ajudar tantas pessoas nesse momento. É importante ressaltar também a parceria com as empresas, que concederam condições inéditas, que jamais foram realizadas”,  observou o presidente do Procon-RJ, Cássio Coelho.



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Isabele Benito
« Programa Anterior
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »