Rio

Procon-RJ notifica McDonald’s por propaganda enganosa

Segundo o órgão, os novos sanduíches de picanha do restaurante não possuem picanha

Por Redação Tupi

Novos sanduíches de Picanha do McDonald's não possuem picanha.
Novos sanduíches de Picanha do McDonald’s não possuem picanha. (Foto: Reprodução)

A equipe do Procon Carioca, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania,  enviou duas notificações ao Mc Donald’s. Uma notificação tem o objetivo de fazer uma averiguação preliminar sobre a comercialização de novos sanduiches divulgados pela instituição. A segunda, solicita esclarecimentos a respeito da notícia do vazamento de dados dos clientes.

Os agentes de fiscalização deste Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor tomaram conhecimento, por meio de reportagens divulgadas pela imprensa, de que a empresa passou a comercializar dois novos sanduíches, o “Novo McPicanha Cheddar Bacon” e o “Novo Picanha Salada Bacon”. Porém, de acordo com as informações divulgadas, os novos “McPicanha” não contém picanha. Ou seja, a rede de fast-food estaria realizando propaganda enganosa com os clientes.

Visto que a comercialização de produtos deve sempre conter informações claras e precisas, a fim de evitar que o consumidor seja induzido a erro sobre o produto que pretende comprar, o Procon Carioca solicita que o Mc Donald’s esclareça comprovadamente, em um prazo de dez dias, questões como: quando, efetivamente, a fornecedora começou a comercializar os novos McPicanha; se a carne dos novos McPicanha possui picanha na sua composição e se o consumidor consegue saber, de maneira clara e precisa, qual é a composição da carne dos novos McPicanha.

De acordo com o diretor executivo do Procon Carioca, Igor Costa, o instituto  também aplicará uma medida cautelar determinando a retirada de qualquer publicidade que divulgue os produtos da linha ‘Mc Picanha’.  “Vamos recomendar também que o Mc Donald’s devolva o valor pago pelos sanduíches da linha ‘Mc Picanha’ para todos os consumidores que se sentiram lesados pela publicidade veiculada pela fornecedora. O Procon Carioca está atento para que o direito do consumidor seja preservado”, explica Igor

O órgão tomou conhecimento, também, pela imprensa, que o Mc Donald’s teria sofrido um vazamento de dados dos seus usuários. A própria empresa confirmou o vazamento dos dados, como nome, CPF, endereço, telefone e e-mail. Porém não especificou quantos consumidores teriam sido afetados, nem o que teria originado o vazamento. O Código de Defesa do Consumidor e a Lei Geral de Proteção de Dados asseguram que não é permitido qualquer vazamento e, portanto, a questão deve ser apurada.

Desta forma, o Procon Carioca solicita que os Mc Donald’s esclareça, em um prazo de dez dias, questões como: por qual motivo os dados pessoais dos consumidores foram vazados, como ocorreu o vazamento dos dados, se houve ação de hackers, em qual plataforma de atendimento da fornecedora (aplicativo de celular, banco de dados) ocorreu o referido vazamento de dados, quais dados dos consumidores sofreram acesso indevido e quais medidas de segurança, técnicas e administrativas foram adotadas para proteger os dados pessoais dos consumidores.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
12 de Maio de 2022 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »