Conecte-se conosco

Destaques

Sargento que atirou em atendente do McDonald’s se entrega à polícia

Justiça do Rio determinou a prisão nesta sexta-feira (20).

Publicado

em

Sargento-bombeiro atira em atendente do McDonald's
Sargento-bombeiro atira em atendente do McDonald's (Foto: Reprodução)

O bombeiro Paulo César de Souza Albuquerque, responsável por atirar no atendente do McDonald’s na Taquara, Zona Oeste do Rio, se entregou na polícia nesta sexta-feira (20). O crime ocorreu no dia 9 e segundo o amigo do sargento não foi acidental.

A Justiça do Rio determinou a prisão nesta sexta-feira (20). O atendente Mateus Carvalho, de 21 anos, foi atingido na região do abdômen e chegou, segundo a família, chegou a perder um dos rins e parte do intestino. De acordo com o juiz Gustavo Kalil, do 4º Tribunal do Júri, é necessário manter a integridade física e psíquica das testemunhas. O carro usado pelo Bombeiro no dia do crime foi apreendido.

Mateus Domingues Carvalho foi agredido e baleado pelo sargento-bombeiro Paulo César de Souza Albuquerque após tentar utilizar um cupom de desconto após o pedido já ter sido feito.

Na ocasião, o jovem precisou passar por uma cirurgia e chegou a ficar internado no CTI do Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca. Mateus chegou a ser transferido para um hospital particular e recebeu alta nesta quarta-feira (18).

O jovem é natural de Minas Gerais e veio para o Rio de Janeiro há cinco anos tentar uma vida melhor e conseguir entrar na faculdade.

“O Mateus só tem tamanho, porque é uma criança. A gente fez de tudo para que ele saísse de lá, por conta do horário, por ser de madrugada, mas ele preferiu ficar trabalhando e acabou acontecendo isso, a pessoa se achou no direito de entrar e dar um tiro à queima roupa. Ele só fez o trabalho dele e o rapaz atirou nele. O sonho dele é trabalhar para pagar a faculdade e fazer veterinária”, disse Marcela Costa.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.