Coronavírus

Secretaria de Estado de Cultura do Rio cria protocolo para orientação aos museus durante a pandemia

Superintendência de Museus também disponibiliza um canal de consultoria e assessoria online aos profissionais de museus de todo o estado do Rio de Janeiro.

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação

Com as portas fechadas desde o início da pandemia do novo coronavírus em março, a rede de museus do Rio de Janeiro faz planos para quando voltar a receber visitantes. Em um período de flexibilização de diversos setores, a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio (Sececrj), através da Superintendência de Museus, criou um documento com recomendações para auxiliar na elaboração de protocolos para os museus em tempo de pandemia da Covid-19.

O texto entrou na lista de protocolos de reaberturas nacionais e internacionais do International Council of Museums (Icom Brasil), organização não-governamental que mantém relações formais com a Unesco, executando parte de seu programa para museus. O documento levou em consideração algumas referências, como da própria Icom e do Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM). Todos seguem as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Nossa equipe elaborou esse documento com base em protocolos e legislações existentes. Com este estudo, trouxemos as normas para a nossa realidade no estado do Rio para que qualquer museu do território fluminense consiga adaptar aos seus espaços. É um documento para servir de referência para os profissionais do setor neste momento de pandemia”, explica a superintende de Museus da Sececrj, Lucienne Figueiredo.

No protocolo da Superintendência de Museus, algumas ações refletem o momento atual, quando os espaços seguem fechados para o público, mas que há atividades internas. Existem orientações para a segurança dos funcionários, orientações para uso de EPIs e liberação para home office quando for necessário. O documento também aborda medidas para as próximas etapas da flexibilização, de uma possível abertura para os visitantes.

“A Cultura possui diversos segmentos, por isso todos devem receber as suas orientações específicas para o início da flexibilização. Mas tendo a certeza que o período da pandemia da Covid-19 ainda não passou, os cuidados devem receber a mesma atenção. O protocolo dos Museus leva em consideração as características para servir de referência para todo o estado do Rio”, disse a secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio (Sececrj), Danielle Barros.

Com as mudanças das bandeiras de flexibilização do estado e das cidades, o documento pode ser alterado, sendo atualizado com novas orientações com base nos protocolos das autoridades de saúde pública.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Patrulha da Cidade
« Programa Anterior
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »