Sentinelas 15:55h

Como o aumento de casos e mortes por conta do coronavírus impacta no cotidiano das pessoas

Confira o que foi destaque no Sentinelas desta sexta-feira

Por Redação Tupi

(Foto/Arte: Erika Corrêa / Super Rádio Tupi)

 

O Estado do Rio vive um novo aumento de casos confirmados e mortes pela covid-19. De acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde, o Estado acumula, até esta sexta-feira, 402 mil 480 casos e 24 mil trezentas e cinqüenta e uma mortes desde o início da pandemia. Somente nas últimas 24 horas, foram mais 3 mil 601 infectados e 147 óbitos causados pelo novo coronavírus.

Como o aumento de casos impacta na vida do cidadão fluminense?

 

Diante deste cenário de crescimento de ocorrências da Covid-19, medidas estão sendo tomadas em diversos municípios para tentar conter a propagação do vírus. A Prefeitura do Rio suspendeu, por tempo indeterminado, as cirurgias eletivas em todos os hospitais da rede municipal de saúde. A medida foi publicada no Diário Oficial do município desta sexta-feira (18), com o objetivo de redirecionar profissionais de saúde, leitos, insumos e outros materiais para o combate à pandemia.

O ex presidente do Cremerj, doutor Sylvio Provenzano, fala da importância de se cumprir as regras de ouro e ressalta que o novo coronavírus tem alto índice de contágio.

 

 

Apesar da Pandemia, há previsão de grande movimentação nas estradas, neste final de ano, principalmente em direção à Região dos Lagos. O município de Búzios chegou a adotar algumas medidas restritivas, entre elas, a retirada de turistas da cidade. A repórter Camila Moraes tem os detalhes.

 

Na Região Serrana, a Justiça determinou no início da noite desta quinta-feira, o fechamento imediato de bares e outros espaços em toda a cidade de Petrópolis. O repórter Cyro Neves fala sobre as restrições no município.

 

Na capital fluminense, a Riotur, comunicou ontem, que estão canceladas as festas privadas de réveillon nos quiosques da orla. O repórter Diogo Sampaio traz mais informações.

 

A concessionária Ecoponte calcula receber cerca de dois milhões de veículos de 21 de dezembro a 3 de janeiro de 2021, nos dois sentidos da Ponte Rio-Niterói. Em direção a Niterói e Região dos Lagos, a expectativa de maior fluxo é quarta, 30 de dezembro e quinta, dia 31, quando cerca de 180 mil veículos cruzarão a via. No sentido Rio, o maior movimento no retorno do feriadão será no sábado, 02 de janeiro e domingo, dia 3, com cerca de 157 mil veículos em direção à capital.

A Ecoponte aconselha ainda que os usuários respeitem o isolamento social e lembra que a utilização de máscara é obrigatória em ambientes externos.

Comentários

enquete

Você aprova os convocados para a Seleção Brasileira?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »