Sentinelas 15:55h

Coronavírus avança pela Amazônia e pode dizimar povos indígenas

Confira o que foi destaque no Sentinelas da Tupi, desta quinta-feira

Por Redação Tupi

Se nas capitais e regiões metropolitanas a Covid-19 começa a ser contida, no interior e na Amazônia o cenário é completamente o oposto. Dados divulgados nesta quarta-feiríndios pela Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira despertam um sinal de alarme.

A Coiab indica 228 mortos por Covid-19 no território indígena na Amazônia Legal brasileira. Autoridades alertam que o avanço é preocupante e que, caso não seja contido, há risco de extermínio de culturas e povos inteiros.

Os últimos dados coletados pela Secretaria Especial de Saúde Indígena, que pertence ao Ministério da Saúde, apontavam 73 óbitos, 1.716 casos confirmados e 254 suspeitos apenas na Amazônia brasileira. Um número até três vezes menor que os de levantamentos independentes de outras entidades indígenas.

Para a ativista e índia Iãkupa, da tribo Apurinã, no Acre, a divergência nos números é um reflexo da ausência do estado brasileiro para esses povos, que segundo ela, acontece há décadas.

Iãkupa também destaca a dificuldade de acesso ao Sistema Únido de Saúde.

Juão Nyn, do departamento de comunicação da Articulação dos Povos Indógenas do Rio Grande do Norte, afirma que é preciso respeitar os territórios indígenas.

Juão também pede o cumprimento da Constituição Federal e revela que os problemas desses povos não estão restritos apenas à Amazônia.

O presidente da Funai, Marcelo Silva, informou que políticas públicas estão sendo adotadas para conter a disseminação do coronavírus.

Apesar disso, o pesquisador e historiador Michel Carneio afirma que o risco de disseminação de povos é uma relidade.

O Comando Militar da Amazônia informou que a população local vêm recebendo apoio. O Ministério da Saúde aprovou a contratação de equipes de saúde para cada Distrito Especial Sanitário Indígena.

Além disso, estaria prevista, mas sem data informada, a elaboração de um projeto para apoiar as comunidades indígenas, no valor de quase sete milhões de reais.

Apesar do posicionamento do governo, entidades não governamentais ainda não identificaram uma ajuda substancial até o momento.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
02 de Julho de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »