Conecte-se conosco

Sentinelas 15:55h

Inteligência acima da média. Hoje é o Dia Mundial da Superdotação

Confira o que foi destaque no Sentinelas da Tupi Especial desta quarta-feira

Publicado

em

Inteligência acima da média. Hoje é o Dia Mundial da Superdotação
Inteligência acima da média. Hoje é o Dia Mundial da Superdotação

Nesta quarta-feira (10), é Dia dos Superdotados ou superinteligentes, pessoas que  têm um quoeficiente de inteligência, ou QI, acima da média. Segundo a Mensa, organização que reúne pessoas com altas capacidades intelectuais, para que um indivíduo seja considerado com superdotação, é preciso obter 131 pontos ou mais, e estes, representam apenas 2% da população do planeta.

Como são e como vivem os superdotados? 

No Brasil há mais de duas mil pessoas superinteligentes identificadas por uma entidade global. De acordo com a Associação Mensa Brasil, o estado de São Paulo lidera o ranking, com novecentas e 84 pessoas identificadas com alto QI. O Rio de Janeiro vem em segundo lugar, com 229 e o Distrito Federal em terceiro, com 134 .Conforme a Mensa, 70% dos identificados com altas habilidades ou superdotação, no país, têm entre 19 e 36 anos.

O Neurologista João Marcos Ferreira diz que o superdotado tem uma visão de mundo diferenciada.

O doutor João Marcos explica como se dá a avaliação de superdotação.

De acordo com estudos, em média, a população do Brasil apresenta um QI de 100 pontos, com uma variação de 15 pontos para mais ou para menos.

O psicólogo cognitivo comportamental, Artur Gomes, fala sobre algumas características do superinteligente.

Artur Gomes ressalta que outras habilidades do superdotado devem ser consideradas

A supervisora de vendas, Jéssica Peixoto, mãe da pequena Nicole, de 8 anos, conta como recebeu o diagnóstico de superdotação da filha.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.