Sentinelas da Tupi

África: de 54 países, 42 tem casos confirmados

OMS tem grande preocupação com o continente devido à baixa estrutura e ampla presença de outras enfermidades, como AIDS e tuberculose

Por Redação Tupi

Foto: Marta Reis

A pandemia do novo coronavírus superou 1.200 casos na África e preocupa, já que, o continente sofre com baixa estrutura e ampla presença de outras enfermidades, como AIDS e tuberculose.
Até o momento, os países mais afetados com a COVID-19 na África são Egito e África do Sul. No caso do Egito, foram confirmados 285 casos e na África do Sul, 240. Já a Argélia, possui o maior número de mortes, 12 até o último levantamento.
Para conter o contágio, países do continente tomam medidas de distanciamento social e se preparam para um fechamento amplo das fronteiras. A maior parte dos infectados, na África, ainda é composta por estrangeiros ou pessoas que retornaram de viagens do exterior.
Recentemente, Uganda, Gana, Quênia, Sudão do Sul e África do Sul impuseram proibições de viagem da Europa e dos Estados Unidos. Madagascar e Senegal fecharam suas fronteiras aéreas, escolas e universidades, e proibiram aglomerações para limitar a disseminação do vírus.
O secretário-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, reforçou a importância de agir com agilidade: “A África deve se preparar para o pior”, disse ele.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »