Esportes

Fluminense perde para o Volta Redonda e se distancia da liderança do Campeonato Carioca

Tricolor, que criou diversas chances, mas pecou nas finalizações, ainda corre o risco de sair do G-4 da competição

Por Bruno Gentile

(Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Em jogo cheio de reviravoltas, o Fluminense perdeu para o Volta Redonda por 3 a 2, nesta sexta-feira (26), no Estádio Elcyr Resende, em Bacaxá, pela sexta rodada do Campeonato Carioca, e desperdiçou a chance de colar na liderança da competição, podendo, inclusive, sair do G-4. O time da Cidade do Aço aproveitou bem os contra-ataques e as oportunidades perdidas pela equipe de Roger Machado, e se tornou momentaneamente o líder da tabela. Os gols da vitória foram marcados por João Carlos e Alef Manga (2), enquanto Fred (2) descontou o placar.

A partida começou bem movimentada. O Fluminense, logo aos 4 minutos, quase abriu o marcador com uma cabeçada de Lucca, após cruzamento feito por Egídio. Mas o Tricolor mal teve tempo de engrenar e o Volta Redonda já tratou de jogar água fria nas intenções dos mandantes: aos 9, João Carlos recebeu belo lançamento nas costas de Frazan, que tentou cortar e não alcançou. Livre na área, o centroavante dominou no peito e tirou de Marcos Felipe para inaugurar a contagem: 1 a 0.

Precisando do resultado positivo, os comandados de Roger Machado se lançaram ao ataque e construíram inúmeras jogadas, com finalizações de Nino, Fred, Lucca e Nenê, mas todas terminaram sem sucesso, por conta das boas defesas do goleiro Andrey ou pela falta de pontaria. O time da Cidade do Aço continuou aproveitando as chances claras perdidas pelos donos da casa e, depois de um erro de Egídio, ampliou a vantagem. Oliveira recuperou a bola pelo lado direito da defesa e acionou Alef Manga em velocidade. O camisa 11 invadiu a área e fuzilou para o gol, vencendo Marcos Felipe.

Com 2 a 0 desfavorável, o Fluminense seguiu firme atrás de amenizar o prejuízo, mas sempre pecando no último passe e nos chutes. Após o retorno do intervalo, a pressão carioca finalmente surtiu efeito e Fred, aos 4 minutos da segunda etapa, diminuiu. Martinelli recebeu de Luiz Henrique dentro da área pela direita, perto da linha de fundo, e o volante cruzou rasteiro para a chegada do centroavante. Ele não perdoou e mandou para o fundo da rede.

De volta ao jogo, a equipe mandante se manteve firme no setor ofensivo em busca do empate, especialmente com Lucca, bastante participativo e dinâmico. O Volta Redonda tentou se segurar ao máximo no campo defensivo, mas, por conta de tanta insistência, o Tricolor, enfim, chegou à igualdade: Kayky tirou o lateral adversário para dançar pela faixa direita e levantou na área. A bola chegou para Gabriel Teixeira, que finalizou de primeira, na trave. A sobra ficou com Fred, de frente para o gol. Com o goleiro caído, o artilheiro só teve o trabalho de escorar e deixar tudo igual em Bacaxá.

Com a confiança necessária para virar a partida, e já com a garotada em campo, o time de Roger Machado foi com tudo para cima dos visitantes, e conseguiu armar boas oportunidades, mas sempre faltando capricho no momento de finalizar em direção à meta. E, como diz o ditado, quem não faz, leva. Aos 44 minutos, depois de uma perda de posse no setor de ataque, o Voltaço saiu em velocidade no contra-ataque e a bola chegou em Alef Manga. O atacante dominou bem, tirou Frazan da marcação e, de esquerda, bateu no canto direito de Marcos Felipe, que nada pôde fazer para defender. Abatido, o Fluminense ficou desorganizado e não conseguiu arrancar, pelo menos, um empate.

Agora, o Tricolor carioca estacionou na terceira posição da tabela, com 9 pontos, e ainda corre o risco de sair da zona de classificação às semifinais do Campeonato Carioca, caso Madureira, Resende e Portuguesa vençam seus confrontos. Já o Volta Redonda, com 13, dormirá na liderança da competição até amanhã, quando terá de secar o Flamengo e torcer para o Boavista derrotar o Rubro-Negro, também no Estádio Elcyr Resende, em Bacaxá, se quiser seguir na primeira colocação.

Para se reabilitar, o Fluminense precisará vencer o clássico contra o Vasco, na próxima terça-feira (30), às 21h35, no Estádio Raulino de Oliveira, para não se distanciar da turma de cima. Já o Voltaço, com o desejo de seguir firme no topo da tabela, pegará, na quinta-feira (1°), o Boavista, às 18h, no mesmo local, em busca da vitória.

Comentários
enquete

No dia do beijo nós queremos saber: Você beija muito?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »