Conecte-se conosco

Rio

Jovem com hidrocefalia sofre enquanto aguarda por tratamento na rede pública de saúde do RJ

Desde setembro Mateus Lima Miranda tenta atendimento com um profissional de fisioterapia e um neurologista

Publicado

em

Foto/Arquivo pessoal - Mateus ao lado da mãe

Foto/Arquivo pessoal – Mateus ao lado da mãe

O jovem Mateus Lima Miranda, de 24 anos, que sofre de hidrocefalia vive um drama há mais de mês. No dia 11 de setembro ele passou mal e deu entrada no PAN de Del Castilho, no mesmo dia foi transferido para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, onde foi operado e no dia 14 do mesmo mês deixou a unidade hospital, por conta da pandemia.

Após darem alta para Mateus, os médicos disseram que ele precisava urgentemente de um tratamento de fisioterapia e neurologia, mas, o menino ainda aguarda por uma vaga na fila dos SISREG.

Ao longo da vida ele já passou por cinco cirurgias no crânio e três no abdômen. Mateus Miranda sobrevive graças a duas válvulas na cabeça, que fazem a drenagem desse líquido.

Atualmente ele recebe um auxílio do governo federal de R$ 1.045, mas para complementar renda a mãe dele, Creusa Pinheiro de Lima, cata e revende garrafas pets, já que por dia, o jovem usa cerca de 15 fraudas.

A equipe de reportagem da Super Rádio Tupi entrou em contato com as secretarias estadual e municipal de saúde. O estado disse que a situação deve ser resolvida pelo município. A Secretaria Municipal de Saúde ainda não respondeu.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.