Conecte-se conosco

Política

Justiça determina bloqueio de bens do prefeito de Belford Roxo

Waguinho responde pelo crime de improbidade administrativa

Publicado

em

O Tribunal de Justiça do Rio determinou o bloqueio de mais de R$ 10 milhões dos bens do prefeito de Belford Roxo, Wagner dos Santos Carneiro, o Waguinho e de mais oito pessoas, incluindo o secretário municipal de Governo, André Luiz Santana Leal. O magistrado também determinou o afastamento do secretário por 180 dias.

Segundo a Justiça, ambos respondem por ato de improbidade administrativa. De acordo com documentos anexados ao processo, Waguinho, mediante dispensa de licitação, alugou um imóvel do secretário de Governo e da empresa SSS Empreendimentos e Participações Limitada, cujos sócios, Sergio Luiz, Sueli e Sheyla Amorim, foram doadores da campanha eleitoral. A prefeitura chegou a empenhar quase R$ 4 milhões para o pagamento do contrato de locação.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.