Sentinelas da Tupi

Justiça do Rio concede liberdade condicional ao major condenado pela morte do pedreiro Amarildo

Edson dos Santos, condenado a 13 anos de prisão cumpria prisão domiciliar

Por Camila Moraes

(Divulgação: TJ)

A Justiça do Rio concedeu liberdade condicional ao major Edson dos Santos, condenado a 13 anos de prisão por torturar e matar Amarildo de Souza, na Rocinha. A decisão, da Vara de Execuções Penais do Tribunal de Justiça, afirma que ele preenche os requisitos para concessão do benefício.

Em 14 de julho de 2013, o auxiliar de pedreiro foi levado por policiais da UPP Rocinha e nunca mais voltou pra casa. Major Edson dos Santos, que ainda está nos quadros da corporação e recebe salário, era o comandante da Unidade na época. A Justiça concluiu que o pedreiro Amarildo foi torturado até a morte dentro da sede da Unidade Polícia Pacificadora.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Janeiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Mário Belisário
« Programa Anterior
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »