Sentinelas da Tupi

Justiça do Rio concede liberdade condicional ao major condenado pela morte do pedreiro Amarildo

Edson dos Santos, condenado a 13 anos de prisão cumpria prisão domiciliar

Por Camila Moraes

(Divulgação: TJ)

A Justiça do Rio concedeu liberdade condicional ao major Edson dos Santos, condenado a 13 anos de prisão por torturar e matar Amarildo de Souza, na Rocinha. A decisão, da Vara de Execuções Penais do Tribunal de Justiça, afirma que ele preenche os requisitos para concessão do benefício.

Em 14 de julho de 2013, o auxiliar de pedreiro foi levado por policiais da UPP Rocinha e nunca mais voltou pra casa. Major Edson dos Santos, que ainda está nos quadros da corporação e recebe salário, era o comandante da Unidade na época. A Justiça concluiu que o pedreiro Amarildo foi torturado até a morte dentro da sede da Unidade Polícia Pacificadora.

Comentários
enquete

Os quatro maiores clubes do Rio se sairão melhor na segunda rodada do carioca?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
06 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Nenhuma programação disponível
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
03:00 - Show do Mário Belisário
11:00 - Programa Francisco Barbosa
15:00 - Show da Galera
21:00 - Show de Bola
08:00 - Programa Roberto Canazio
06:00 - Fala Garotinho
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »