Brasil

Maia rebate críticas de Guedes e chama governo de ‘usina de crises’

Guedes criticou as mudanças propostas pelo relator Samuel Moreira no projeto de reforma da Previdência na Câmara dos Deputados

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse, nesta sexta-feira, 14/06, que o ministro da Economia, Paulo Guedes, “está gerando uma crise desnecessária” e que o governo Bolsonaro virou uma “usina de crises”. “A vida inteira o ministro da Economia sempre foi o bombeiro das crises. Agora o bombeiro vai ser a Câmara. Nós não vamos dar bola para o ministro Paulo Guedes com as agressões que ele fez agora ao parlamento”, disse Maia.

Pela manhã, Guedes criticou as mudanças propostas pelo relator Samuel Moreira no projeto de reforma da Previdência na Câmara dos Deputados. Ele atribuiu as modificações a “pressões corporativas” e ao “lobby de servidores do Legislativo”. Maia rebateu as palavras de Guedes, dizendo que o Ministro não está sendo justo com o parlamento brasileiro, que está conduzindo sozinho a articulação para a aprovação da reforma da Previdência. Segundo ele, o governo contaria com apenas 50 votos sem a articulação dos parlamentares e não com os cerca de 350 que tem hoje.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Abril de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Pedro Augusto
« Programa Anterior
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »