Sentinelas 15:55h

Mais da metade dos estabelecimentos comerciais da Feira de São Cristóvão fecharam as portas

Confira o que foi destaque no Sentinelas desta terça-feira

Por Redação Tupi

sentinelas feira de são cristóvão
(Foto: Erika Corrêa/ Divulgação: Super Rádio Tupi)

Um dos pontos culturais mais conhecidos da cidade do Rio de Janeiro, o Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, popularmente conhecido como Feira de São Cristóvão, na Zona Norte, está sofrendo o impacto da crise econômica ocasionada pela pandemia da Covid-19. Mais da metade das lojas, quiosques  e restaurantes instalados no local, fecharam as portas.

Como superar  as dificuldades impostas por este momento pandêmico?

A redução no número de visitantes acarretou o fechamento de 70% das lojas locais. Segundo o representante da Associação da Feira de São Cristóvão, Magno Pereira, cerca de 3 mil empregos diretos deixaram de ser gerados.

 

Magno Pereira diz também que a falta de público compromete muito as atividades e tranquiliza os visitantes afirmando que a Feira de São Cristóvão está cumprindo as recomendações sanitárias.

 

 

De acordo com a Assessoria de imprensa do Centro de Tradições, os comerciantes não estão conseguindo ter acesso aos programas sociais de incentivo ou auxílio criados pelo governo. O repórter Diogo Sampaio está na Feira para saber das dificuldades enfrentadas pelos comerciantes. Boa tarde, Diogo!

Obrigada, Diogo Sampaio!.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Dezembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »