Rio

Miguel Pereira ganha Casa do Direito da Mulher Daniella Perez

Governador do Rio, também acompanhou a inauguração do Espaço do Agricultor

Por Redação Tupi

Imagem do Governador do Rio
Foto: Rafael Campos

Miguel Pereira ganhou, nesta sexta-feira (25), o primeiro espaço no município dedicado ao acolhimento de mulheres vítimas de violência doméstica. A Casa do Direito da Mulher Daniella Perez é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado – por meio das secretarias de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e de Polícia Militar – com a prefeitura da cidade do Centro-Sul Fluminense. O espaço, inaugurado pelo governador Cláudio Castro, terá atendimentos jurídico, psicológico e social.

“A Casa do Direito da Mulher Daniella Perez nasceu para combater a impunidade. Com esse equipamento nós ampliamos as possibilidades de denúncia pelas mulheres, desenvolvendo mecanismos de proteção para salvaguardar essas denunciantes e possibilitar punições mais rápidas para os agressores” – disse o governador Cláudio Castro.

A criação da Casa do Direito da Mulher Daniella Perez marcará o novo processo de atuação do programa Patrulha Maria da Penha – Guardiões da Vida, da Secretaria de Polícia Militar. Esta nova fase terá início pela região do Sul Fluminense.

Na primeira quinzena deste mês, a PM promoveu um curso virtual para qualificar 110 novos agentes para atuar no programa – 88 policiais militares e 22 guardas municipais da Prefeitura de Miguel Pereira. A inclusão dos agentes do município foi possível graças a um convênio entre a PM e a prefeitura da cidade.

“Violência contra mulher é um grave problema social que afeta diariamente muitas famílias do nosso Estado. A Casa do Direito da Mulher vem se somar a outras ações do Governo do Estado, como a Patrulha Maria da Penha – Guardiões da Vida que atua preventivamente, tendo como foco o acompanhamento e monitoramento das medidas protetivas emitidas pelo judiciário” – disse o secretário de Polícia Militar, Coronel Rogério Figueredo.

Ministrado por especialistas da Polícia Militar, Polícia Civil, Poder Judiciário, Defensoria Pública e por gestoras de políticas municipais de atendimento à mulher, o curso de capacitação permitirá a criação de novas equipes da Patrulha Maria da Penha nas unidades operacionais da PM em todo o estado. Miguel Pereira é a primeira cidade do estado a receber o reforço com agentes que passaram pelo curso.

“Hoje foi um dia de realizações que vão mudar a vida das pessoas. A Casa Daniella Perez vai dar mais segurança para nossas mulheres, o Disk-Árvore foca no ambiente, promovendo um futuro melhor para as próximas gerações e o Espaço do Agricultor dá a oportunidade dos trabalhadores da região poderem vender seus produtos diretamente para o consumidor. Isso tudo só foi possível graças à parceria entre o município de Miguel Pereira e o Governo do Estado” – falou o prefeito de Miguel Pereira, André Português.

O Patrulha Maria da Penha já atendeu a 20.962 mulheres em situação de violência doméstica em todo o estado entre agosto de 2019 e abril deste ano. Nesse período, foram efetuadas 327 prisões de autores de violência doméstica. Na região do Sul do estado, o programa já atendeu a 2.885 mulheres e não houve nenhum caso de feminicídio entre as que foram inseridas no Patrulha Maria da Penha.

Homenagem a atriz assassinada

O local recebe o nome da atriz Daniella Perez, que foi morta pelo também ator Guilherme de Pádua e sua então mulher, Paula Thomaz, em dezembro de 1992. Daniella era filha da autora de novelas Glória Perez. Na época, Daniella era casada com Raul Gazolla e contracenava com Pádua em uma novela.

“Ter colocado o nome da Daniella Perez como referência é uma homenagem. A Danielle foi assassinada por um parceiro, é um crime contra mulher e não podemos ter tolerância com isso. Violência contra mulher é uma covardia, precisamos fazer nossa parte como poder público e dar um ponto final nisso” – contou o secretário de Desenvolvimento Social e Direiros Humanos, Matheus Quintal.

A Casa do Direito da Mulher Daniella Perez vai funcionar de segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 18h, na Avenida General Ferreira do Amaral, 94, no Centro de Miguel Pereira.

Espaço do Agricultor: modelo de Miguel Pereira será replicado no estado

Em Miguel Pereira, Cláudio Castro também inaugurou o Espaço do Agricultor, com áreas para armazenagem, vendas e reuniões, para atender 92 pequenos produtores da região. A iniciativa da prefeitura serviu como modelo para o projeto Mercado Produtor AgroRJ, da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento. O governo estadual erguerá os prédios, que serão administrados pelas prefeituras.

” O Espaço do Agricultor é um equipamento que vai ajudar às pessoas que dedicam sua vida para alimentar os outros. O produtor do nosso estado é um herói, aqui é o local onde pode ele vender seu produto sem um atravessador. Vamos replicar essa ideia para outros 91 municípios fluminenses – ressalta o secretário de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, Marcelo Queiroz”.

Segurança Presente recebe material esportivo

O Segurança Presente de Miguel Pereira recebeu materiais esportivos doados pela Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude para que, futuramente, a operação possa desenvolver projetos sociais. Nas próximas semanas, duas novas quadras esportivas serão inauguradas pela prefeitura e o objetivo é ocupar os espaços com atividades de relacionamento com a comunidade.



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Baú da Tupi
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Pedro Augusto
06:00 - Programa Cristiano Santos
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
03:00 - Domingo Show
12:00 - Bola em Jogo
20:00 - Conexão Tupi
10:00 - De Frente Com Elas
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »