Jornalismo

Ministério Público denuncia Temer e Moreira por desvios na Eletronuclear

Na quinta-feira, o ex-presidente virou réu por corrupção passiva no caso da mala de R$ 500 mil da JBS

Foto: Divulgação.

O Ministério Público Federal fez duas denúncias, nesta sexta-feira, contra o ex-presidente Michel Temer, o ex-ministro e ex-governador do Rio Moreira Franco e outros investigados por desvios na Eletronuclear.

Michel Temer chegou a ser preso em São Paulo no último dia 21 de março pela força-tarefa da Lava Jato do Rio de Janeiro. Os agentes também prenderam o ex-ministro Moreira Franco no Rio e o coronel João Baptista Lima Filho, amigo de Temer. Os advogados entraram com pedido de habeas corpus no Tribunal Regional Federal da Segunda Região, o TRF2.

Segunda-feira, a Justiça determinou a soltura do ex-presidente. Sobre a denúncia de desvios na Eletronuclear, a defesa de Temer disse que nada foi provado contra ele e que a prisão “constitui mais um, e um dos mais graves, atentados ao Estado democrático de Direito no Brasil”.

Na quinta-feira, o ex-presidente virou réu por corrupção passiva no caso da mala de R$ 500 mil da JBS. O juiz da Décima Quinta Vara da Justiça Federal em Brasília, Rodrigo Bentemuller, acolheu denúncia do Ministério Público.

enquete

Você acha futebol chato ou emocionante?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »