Conecte-se conosco

Rio

Ministério Público Militar pede à Justiça que militares responsáveis pela morte de músico em Guadalupe sejam soltos

Evaldo dos Santos Rosa estava no carro com a família quando o Exército atirou 80 vezes

Publicado

em

Foto: Reprodução/Facebook

Por: Redação Tupi

Nesta segunda-feira, o Ministério Público Militar (MPM) solicitou à Justiça que fossem soltos os noves militares presos pelo fuzilamento do carro do músico Evaldo dos Santos Rosa, que o matou. As informações são do jornal O Globo.

De acordo com o parecer do subprocurador-geral da Justiça Militar Carlos Frederico de Oliveira Pereira “não subsiste o risco à disciplina militar” da parte dos militares acusados.

Ainda essa semana, o caso será levado ao Superior Tribunal Militar.

Estão presos o tenente Ítalo da Silva Nunes Romualdo; o sargento Fábio Henrique Souza Braz da Silva; e os soldados Gabriel Christian Honorato, Gabriel da Silva de Barros Lins, João Lucas da Costa Gonçalo, Leonardo Oliveira de Souza, Marlon Conceição da Silva, Matheus Santanna Claudino e Vítor Borges de Oliveira.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.