Brasil

PM do Rio auxiliou na operação que resultou na morte de Lázaro Barbosa

Equipamentos de comunicação enviados pela PM do Rio para as buscas ajudaram no resgate do fugitivo

Por Lucas Araújo

lazaro é capturado
Lázaro Barbosa é capturado em Goiás (Foto: Henrique Ramos/TV Anhanguera)

As duas estações de rádio da Polícia Militar do Rio de Janeiro cedidas à polícia de Goiás podem ter auxiliado os militares na captura do serial-killer Lázaro Barbosa, responsável pela morte de pelo menos sete pessoas, no interior do estado de Goiás.

Os equipamentos foram instalados nas bases montadas em torno da área de mata do município de Cocalzinho, onde o assassino estava escondido por 20 dias.

O porta-voz da PM do Rio, major Ivan Blaz, afirma que o objetivo da cooperação era melhorar a comunicação entre os agentes que participaram da operação de captura ao criminoso.

“A prisão do assassino Lázaro é um evento muito importante, e é importante sabermos que a Polícia Militar do Rio de Janeiro conseguiu contribuir de alguma forma. Nossa missão foi aumentar a capacidade de comunicação entre os agentes lá naquele território do Planalto Central. Foi decisiva a chegada deste equipamento, pois contribuiu e muito para que esses agentes estivessem em campo atuando diretamente nas buscas”.

A secretaria estadual de Segurança Pública de Goiás confirmou que Lázaro Barbosa foi morto a tiros após entrar entrar em confronto com os policiais. Os policiais comemoraram a prisão do criminoso, o mais procurado do Brasil atualmente.



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
23 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »