Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Suspeito de matar policial na Taquara é preso em hospital de Realengo

Leonardo Batista da Silva estava na PM há 11 anos

Publicado

em

Preso foi encontrado internado no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo
Preso foi encontrado internado no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo

A Polícia Militar conseguiu prender um homem suspeito de matar o pm, Leonardo Batista da Silva, de 36 anos, no bairro da Taquara, na Zona Oeste do Rio. O acusado foi capturado quando estava internado no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo

O preso que não teve a identidade divulgada, também estava ferido por disparos de arma de fogo e era considerado foragido do sistema prisional do Estado. O militar Leonardo Batista estava de folga no momento em que foi baleado. Segundo relatos de testemunhas, ele reagiu a uma abordagem da assaltantes na Rua Mapendi, na Taquara, na tarde de sexta.

Leonardo chegou a ser socorrido para o Hospital municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, mas não resistiu. O policial estava na PM há 11 anos. Ele era lotado atualmente no Batalhão de  Rondas Especiais e Controle de Multidões.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.