Destaques

Tricampeão! Flamengo vence o Fluminense e conquista o Campeonato Carioca pela terceira vez seguida

Rubro-Negro fez 3 a 1 no Tricolor, com gols de Gabigol (2) e João Gomes. Fred descontou

Por Bruno Gentile

(Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Tricampeão! O Flamengo venceu o Fluminense por 3 a 1, neste sábado (22), no Maracanã, pelo jogo de volta da final do Campeonato Carioca, e conquistou, pela terceira vez seguida, o título do Estadual do Rio (seu 37°) – a partida de ida havia terminado em 1 a 1. Gabigol, duas vezes, e João Gomes marcaram na vitória. Fred descontou a favor dos visitantes. Agora, com mais essa taça, o Mais Querido se torna também um dos maiores campeões do século XXI, já que soma, ao todo, 21 troféus desde o ano de 2000.

O primeiro tempo do clássico foi bem agitado e predominantemente de domínio rubro-negro, já que o Tricolor praticamente não foi à frente. Logo aos 13 minutos, Gabigol aproveitou uma sobra de bola na esquerda da área e chutou cruzado, mas Marcos Felipe caiu bem para defender. Aos 19, o próprio camisa 9 da Gávea deu outra finalização, após bom passe de Bruno Henrique, porém, desta vez, o arremate acabou saindo pela linha de fundo. Depois, ao longo da etapa, o time de Rogério Ceni continuou tentando criar jogadas e envolver a equipe de Roger Machado, que quase não passou do meio e, até então, estava bem na defesa. Aos 41, a pressão exercida pelos mandantes, enfim, deu resultado: Arrascaeta foi lançado e saiu cara a cara com o goleiro, que o derrubou. O árbitro assinalou a marca da cal e Gabigol, com categoria, deslocou o arqueiro para abrir o placar.

Em prejuízo no marcador, o Fluminense se viu abatido e começou a se desorganizar, mesmo já nos acréscimos. E foi aproveitando do baque sofrido pelo clube das Laranjeiras que o Flamengo aumentou a vantagem, logo em seguida da inauguração da contagem. Com boa troca de passes e triangulações, Filipe Luís achou para Gabigol na faixa esquerda do campo. O atacante bateu na diagonal, Marcos Felipe chegou a resvalar, mas não conseguiu evitar o gol. Era o 2 a 0 no Maracanã

Na volta do intervalo, o Tricolor, precisando balançar a rede, voltou diferente, mais ativo, e rapidamente diminuiu a desvantagem no placar. Isso porque, aos 6 minutos, Caio Paulista, que havia acabado de entrar no lugar de Luiz Henrique, sofreu penalidade de Rodrigo Caio, que o desequilibrou dentro da área. Bruno Arleu de Araújo, com o auxílio do VAR, deu o pênalti e Fred chutou no canto esquerdo de Gabriel Batista para dar esperanças aos torcedores, colocando a bola no fundo da baliza. Logo em seguida, ambas as equipes tiveram uma chance cada, com Arrascaeta, de falta, e Nenê, mas sem sucesso.

Com o passar do tempo, os dois times sentiram o cansaço físico e aparentaram estar mais desorganizados, o que fez com que o clássico ficasse mais aberto e as jogadas criadas passassem a ser feitas mais na base da vontade do que no tática. Filipe Luís, inclusive, quase conseguiu ampliar, aos 15, depois de receber belo passe de Gerson no meio. O lateral invadiu e penetrou na zaga adversária, finalizando forte e no alto, para a boa intervenção de Marcos Felipe. O clube das Laranjeiras não deixou barato e respondeu com Caio Paulista, mas o chute foi sem direção.

Já no fim do confronto, aos 41, veio o gol que fechou o caixão e sacramentou o título do Mais Querido. Pedro fez jogada individual e tocou para Vitinho, que devolveu. O centroavante arriscou, Marcos Felipe acabou soltando a bola, que sobrou limpa para João Gomes empurrar para as redes: 3 a 1 no Maracanã e vitória garantida. Nos acréscimos, o camisa 11 rubro-negro ainda teve a possibilidade de transformar o título também em goleada, porém, o goleiro estava bem posicionado e evitou o quarto tento dos comandados de Rogério Ceni.

Agora, apesar de ganhar mais um troféu na temporada, o Flamengo precisará ser rápido na comemoração do Estadual. Isso porque, na próxima quinta-feira (27), o Rubro-Negro enfrentará o Vélez, da Argentina, novamente no Maracanã, pela última rodada do Grupo G da Libertadores, e precisa de um resultado positivo para assegurar a primeira colocação da chave. Se vencer, chegará a 14 pontos, uma das melhores campanhas desta fase da competição continental.

 



Comentários

Botão Calendário de Vacinação



AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Junho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show de Bola
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »