Botafogo

Tudo igual! Botafogo fica só no empate com o Vila Nova pela estreia na Série B do Brasileirão

Alvinegro teve um a mais em campo por quase metade do jogo

Por Bruno Gentile

Jogadores de Vila Nova e Botafogo em campo
(Foto: Reprodução/Twitter)

Estreia com empate na Série B! Com domínio no confronto, o Botafogo ficou apenas no 1 a 1 com o Vila Nova, clube que subiu de série nesta temporada, nesta sexta-feira (28), no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, pela primeira rodada da Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro. Willian Formiga marcou a favor dos mandantes, mas Rafael Navarro garantiu um ponto aos comandados de Marcelo Chamusca. Durante o duelo, a equipe de General Severiano teve diversas oportunidades de vencer, mas não conseguiu colocar a bola para dentro.

O primeiro tempo foi marcado por poucas chances claras e começou com domínio do Alvinegro, mesmo jogando fora de casa. Logo aos 8, Rafael Navarro recebeu bom cruzamento de Ronald, que vinha pela faixa direita do campo, e mandou para fora, assustando o goleiro Georgemy. A pressão dos cariocas continuou e, aos 22, o Glorioso até balançou a rede, com Marco Antônio: após um desvio na primeira trave, o camisa 70 ficou com a sobra e completou para o gol, porém, o lance foi anulado pelo árbitro por conta de um impedimento do atacante. Quatro minutos depois, Gilvan também quase inaugurou o placar, mas a finalização saiu sem direção.

Recuado e sem criatividade no ataque, os goianos chegaram pela primeira vez somente aos 30, quando Kelvin, durante um contra-golpe, carregou pela intermediária, progrediu e arriscou de canhota, obrigando Douglas Borges a fazer boa defesa. Neste momento, o duelo já estava sendo marcado por muitas faltas e o juiz começou a distribuir cartões para diminuir o ritmo das chegadas fortes entre os jogadores. Em um desses lances, no fim da etapa inicial, Deivid, que havia levado amarelo um pouco antes, parou um avanço perigoso do Botafogo, recebeu o segundo e foi expulso, para alegria do time de Marcelo Chamusca.

Na volta do intervalo, a equipe de General Severiano até começou melhor, com um chute bonito dado por Marco Antônio e que passou rente ao poste defendido por Georgemy. Mas quem, enfim, deu início a contagem no marcador foram os donos da casa. Em uma cobrança de escanteio, talvez ensaiada, a bola foi lançada para a entrada da área, Willian Formiga, sozinho, soltou uma pancada de canhota e estufou as redes. No prejuízo, o Glorioso, de tanto tentar, conseguiu acertar a mira e, logo em seguida, igualou tudo em Goiânia, aos 13: Chay, estreante da noite que veio do banco, recebeu e achou Rafael Navarro. O camisa 99, com calma, tirou do goleiro e finalizou no canto direito da baliza.

Depois do empate, o Alvinegro ainda teve mais duas chances de virar a partida, com Ronald, arrematando no lado inferior de Georgemy, e novamente Marco Antônio, que mandou um chute muito próxima da meta adversária. Enquanto isso, o Vila Nova praticamente não passava do meio-campo e se dispunha apenas a permanecer no setor defensivo, resguardando-se. Após muitos passes e jogadas mal sucedidas dos visitantes, Pedro Castro, por pouco, não virou para os cariocas. Em batida de falta, o volante mandou acima do travessão e assustou os donos da casa. Sem mira e com afobação, o resultado ficou igual até o fim e não se alterou.

Agora, com a igualdade, o Botafogo soma um ponto na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro e terá a semana cheia para trabalhar, já pensando no jogo válido pela segunda rodada da competição, diante do Coritiba, no domingo (5), às 21h, no Nilton Santos. O Glorioso precisará vencer se quiser se posicionar no G-4 e começar bem para sonhar com o retorno à elite do futebol nacional.

 

 



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Junho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Baú da Tupi
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Pedro Augusto
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
03:00 - Domingo Show
12:00 - Bola em Jogo
06:00 - Ele & Ela
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »