Brasil

Organização Mundial da Saúde aprova uso emergencial da vacina Covaxin

Segundo agência, uso do imunizante é recomendado para maiores de 18 anos, em duas doses, com um intervalo de 4 semanas entre elas

Por Redação Tupi

vacina covaxin
(Foto: Bharat Biontech / Divulgação)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou nesta quarta-feira (3) o uso emergencial da vacina Covaxin, desenvolvida pelo laboratório indiano Bharat Biotech.

Segundo a agência, o uso do imunizante é recomendado para maiores de 18 anos, em duas doses, com um intervalo de 4 semanas entre elas. O imunizante não é indicado para grávidas.

A Covaxin tem como base o vírus inativado e demonstrou ter eficácia de 78% contra a Covid, 14 ou mais dias depois da 2ª dose.

De acordo com a OMS, a vacina “é extremamente adequada para países de baixa e média renda devido aos requisitos de fácil armazenamento”.

A vacina Covaxin não é aplicada no Brasil. O Ministério da Saúde assinou um contrato para aquisição de doses, mas a transação foi cancelada em agosto pela Controladoria Geral da União (CGU), depois de indícios de irregularidades.

Esse é o sétimo imunizante a receber aprovação de uso emergencial pela OMS. Veja quais são os outros: Pfizer; Oxford/AstraZeneca; Johnson; Sinovac/CoronaVac; ModernaSinopharm.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
30 de Novembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »