Brasil

Anvisa aprova venda de compostos à base de cannabis, porém, cultivo é proibido

Diretoria da Agência optou por arquivar a o projeto que autorizava o plantio de maconha para fins medicinais

Por Redação Tupi

Foto: Polícia Federal

Nesta terça-feira, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu, por unanimidade, regulamentar o registro de medicamentos que usem cannabis na base – a substância é um dos principais compostos da maconha.

Apesar disso, a diretoria da Agência optou por arquivar a o projeto que autorizava o plantio de maconha para fins medicinais, por parte das empresas. A proposta foi recusada por três votos a um.

Os compostos desenvolvidos a partir da substância serão classificados como “produtos à base de cannabis”, pois, de acordo com a Anvisa, eles não podem ser definidos como “medicamentos” porque não há comprovação científicas que justifiquem efetivamente a eficácia e segurança dos materiais.

A norma entrará em vigor 90 dias após a publicação no Diário Oficial, e será reavaliada três anos depois.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Ele & Ela
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Heleno Rotay
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
12:00 - Bola em Jogo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »