Brasil

Após dois meses, Regina Duarte deixa a Secretaria de Cultura

Anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira (20)

Por Victor Yemba

(Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, na manhã desta quarta-feira (20), a saída da atriz Regina Duarte do cargo de secretária especial de Cultura.

Por meio das redes sociais, o presidente afirmou que ela assumirá a Cinemateca, em São Paulo.

Regina assumiu a pasta no dia 4 de março com a missão de “pacificar” o embate entre a classe artística e a indústria da cultura com o governo federal. Mas desde o início do mandato de Bolsonaro, a secretaria teve alta rotatividade em razão de polêmicas na pasta e em órgãos vinculados à ela.

No dia 5 maio, por exemplo, o governo renomeou o maestro Dante Mantovani como presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte) que tinha sido exonerado por Regina no primeiro dia da atriz à frente da secretaria.

A saída de Regina Duarte do governo já era um desejo da ala ideológica próxima ao presidente. Questionado sobre a permanência de Regina no governo, Jair Bolsonaro disse que só presidente e vice não podem ser trocados.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
03 de Dezembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »