Brasil

Auxílio Brasil vai custar quase o dobro do Bolsa Família

Auxílio depende ainda de uma lei específica e de espaço no Orçamento, mas as regras começam a ser decididas

Por Marcos Antonio de Jesus

Caixa para nova parcela do auxílio emergencial para nascidos em novembro. (Foto: Divulgação / Agência Brasil)
(Foto: Divulgação / Agência Brasil)

O Auxílio Brasil, novo programa social que o governo quer colocar para funcionar em novembro, vai custar R$ 61,2 bilhões em 2022, segundo fontes do governo. É quase o dobro dos R$ 34,7 bilhões do orçamento do Bolsa Família este ano. O aumento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) adotado para viabilizar o início do novo benefício este ano e evitar restrições das leis eleitorais praticamente decidiu que o valor médio do Auxílio Brasil será de R$ 300.

O governo confirmou que ele atenderá a 17 milhões de famílias. Atualmente, o Bolsa Família beneficia 14,6 milhões de famílias com valor médio de R$ 189. O Auxílio Brasil depende ainda de uma lei específica e de espaço no Orçamento, mas as regras começam a ser decididas. Ele vai representar um gasto mensal médio na faixa de R$ 5,1 bilhões, mais do que os R$ 2,7 bilhões pagos atualmente pelo Bolsa Família.

Além do reajuste do valor pago, o governo também pretende zerar a fila de pessoas à espera do benefício. Hoje o país tem 1,2 milhão de pedidos em análise.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Outubro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Domingo Show
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Pedro Augusto
10:00 - Show do Heleno Rotay
06:00 - Programa Cristiano Santos
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Bola em Jogo
20:00 - Conexão Tupi
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »