Brasil

Capa da Playboy é presa no Espírito Santo por tráfico de drogas

Na hora da prisão, a mulher não percebeu que era seguida por agentes

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução/Instagram)

Polícia Civil do Espírito Santo prendeu, nesta terça-feira, a garota de Programa Flávia Tamoyo, de 25 anos, mais conhecida como “Pâmela Pantera”. Ela é suspeita de fazer parte de uma organização criminosa composta por garotas de programa de luxo que atuam na capital federal. O bando é especializado em realizar a venda e distribuição de entorpecentes, principalmente drogas sintéticas e cocaína, a clientes de alto poder aquisitivo de Brasília.

Capa de revistas masculinas, como a Playboy e a Sexy, e estrela de filmes adultos da franquia Brasileirinhas, Pâmela, segundo a polícia, oferecia um cardápio sexual aos clientes mais assíduos. Os preços mais sofisticados sempre eram acompanhados de carreiras de cocaína. Na hora da prisão, a mulher não percebeu que era seguida por agentes. Ela foi abordada na recepção do hotel.  A prisão de Pâmela foi decretada pelo juízo da 1ª Vara de Entorpecentes do Distrito Federal. Segundo as investigações, as mulheres do grupo negociavam programas sexuais regados a pó para uma clientela vip.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »