Brasil

Ceará cria comissão para intermediar fim do motim de policiais

A comissão não deve negociar os termos da proposta de reajuste que já havia apresentada pelo governo do estado

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução/Agência Brasil)

Uma comissão foi criada nesta quarta-feira para buscar uma solução que ponha fim à paralisação de parte dos policiais militares do Ceará.

Os nomes foram decidido após uma reunião na sede do Ministério Público do Estado, que sugeriu a criação do grupo. Além do procurador-geral do estado, Juvêncio Viana, vão fazer parte da comissão, o deputado estadual Evandro Leitão, do PDT, o corregedor-geral, desembargador Teodoro Silva Santos e o procurador-geral de Justiça, Manuel Pinheiro.

A comissão não deve negociar os termos da proposta de reajuste que já havia apresentada pelo governo do estado e, segundo o governador Camilo Santana do PT, havia sido negociada e aceita por dirigentes de associações de militares e parlamentares ligados à categoria. O soldo de um soldado, hoje de R$3,2 mil, passaria a ser  R$ 4,5 mil até o  final de 2022.

 

Comentários
enquete

Você tem acompanhado o programa "De Frente com Elas", da Super Rádio Tupi?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Bola em Jogo
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »