Conecte-se conosco

Brasil

De 2017 até 2021, empresas de segurança perderam mais de 12 mil armas de fogo, aponta estudo

Somente neste ano 692 armas já foram perdidas de alguma forma. Quase um terço delas apenas no Estado de São Paulo

Publicado

em

Imagem de uma mão segurando uma arma
Foto: Reprodução
Imagem de uma mão segurando uma arma

Foto: Reprodução

Empresas de segurança privada no Brasil já perderam 12 mil 555 armas de fogo, de 2017 até 24 de agosto deste ano, segundo dados da Polícia Federal. Os números foram obtidos pela agência “Fiquem Sabendo”, especializada no acesso a informações públicas.

Houve uma diminuição do número de ocorrências com o passar dos anos, porém, ainda assim, apenas em 2021, 692 armas já foram perdidas de alguma forma. Quase um terço delas apenas no Estado de São Paulo.

A punição mais comum nesses casos é a aplicação de multas. No período, mais de 500 empresas tiveram o alvará de funcionamento cancelado.

A falta de segurança das empresas com o armamento se deu principalmente por furto ou roubo. Porém, nesses 5 anos, 1.465 armas de fogo foram simplesmente perdidas ou extraviadas, segundo os dados da PF.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.