Brasil

No Twitter, Bolsonaro compartilha vídeo defendo tratamento com cloroquina para Covid-19

Substância só tem autorização da Anvisa para ser aplicada em casos graves, de maneira experimental

Por Redação Tupi

Substância só tem autorização da Anvisa para ser aplicada em casos graves, de maneira experimental
(Foto: Reprodução)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (Sem Partido), usou seu perfil oficial no Twitter, na manhã deste domingo, para compartilhar o vídeode um médico, chamado Vladimir Zelenko, que defende o uso hidroxicloroquina no tratamento de pessoas diagnosticadas com a Covid-19. No entanto, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), os estudos do uso substância nesses casos da doença não tem eficácia comprovada, tanto que a autorização para utilização é apenas dadas em casos graves, de maneira experimental.

No vídeo postado por Bolsonaro, o médico afirma que aplicou a substância, associada ao antibiótico azitromicina, em 500 pacientes infectados pelo novo coronavírus. De acordo com Zelenko, que atende em Nova Iorque, nenhum deles morreu ou precisou de respiração mecânica em leitos de UTi (Unidade de Terapia Intensiva).

O vídeo faz parte de uma entrevista do médico para Rudy Giuliani, advogado e ex-prefeito de Nova Iorque, que também é aliado político do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Abaixo, confira a publicação feita por Jair Bolsonaro no Twitter:

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »