Brasil

Paciente com câncer em fase terminal receberá alta após tratamento inédito no Brasil

Universidade de São Paulo, com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, criou um método brasileiro para aplicar técnica criada nos Estados Unidos

Por Redação Tupi

Vamberto é funcionário público aposentado de BH e sofria de um linfoma terminal — Foto: Hugo Caldato/Hemocentro RP/Divulgação

O mineiro Vamberto, de 62 anos, diagnosticado com um linfoma, câncer no sistema linfático, e com um prognóstico de menos de um ano de vida, receberá alta no próximo sábado. Ele foi submetido a um tratamento contra o câncer inédito na América Latina. O funcionário público deixará o hospital livre dos sintomas do câncer graças a um método 100% brasileiro, criado pela USP-Fapesp, baseado em uma técnica de terapia genética descoberta no exterior e conhecida como CART-Cell. O paciente recebia doses de morfina todos os dias.

Por estar em estágio avançado da doença, já que o tumor tinha avançado para outras partes do corpo, Vamberto pode ser utilizado como um “protocolo de pesquisa”. Os médicos testaram uma nova terapia, até então nunca aplicada no Brasil.

A CART-Cell é uma forma de terapia genética que consiste na manipulação de células do sistema imunológico para combater as células causadoras do câncer. A estratégia desse tratamento é habilitar células de defesa do corpo, chamadas de linfócitos T, com receptores capazes de reconhecer o tumor. O ataque é contínuo e específico e, geralmente, basta uma única dose.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »