Brasil

Policia Civil prende homem que fingia ser pastor para se aproximar e estuprar crianças

Crimes teriam sido cometidos em pelo menos quatro cidades do Mato Grosso do Sul

Por Redação Tupi

Crimes teriam sido cometidos em pelo menos quatro cidades do Mato Grosso do Sul
(Foto: Divulgação/ Polícia Civil do Mato Grosso do Sul)

A Polícia Civil de Mato Grosso do Sul prendeu, na última terça-feira, Elerson Carlos Mareco Wider, de 22 anos, suspeito de se passar por pastor para abusar e estuprar menores de idade. O homem, que acumula passagens anteriores por  estupro de vulnerável, lesão corporal e atentado violento ao pudor, foi detido pelos agentes civis no município de de Chapadão do Sul, no interior do estado.

De acordo com a polícia, existem indícios de que Elerson faria parte de uma rede de pedofilia. Ele teria passado por cidades como Três Lagoas, Campo Grande, Dourados e Chapadão do Sul, todas no Mato Grosso do Sul, fazendo vítimas usando o trabalho de evangelizador como disfarce.

Ainda segundo a Polícia Civil, o rapaz cometeria estupros desde os treze anos de idade. Preso, Elerson agora irá responder pelos crimes e poderá pegar uma pena de até quinze anos de reclusão por estupro de vulnerável.

Comentários
enquete

Vale a pena se tornar vegetariano só para agradar o (a) parceiro (a)?
Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
21 de Setembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »