Carnaval

Portela e Império Serrano podem se tornar Patrimônio Imaterial e Cultural do Rio

Agremiações podem ser consideradas um marco na história do samba carioca

Por Marcos Antonio de Jesus

Imagem das bandeiras da Portela e do Império
(Foto: Reprodução / Facebook)

Para resguardar a história de duas das mais tradicionais escolas de samba do Rio de Janeiro, o deputado Dionísio Lins (Progressista-RJ), entrou com um projeto de lei que considera como Patrimônio Imaterial para Preservação Cultural do Estado, o G.R.E.S. Portela e o G.R.E.S. Império Serrano. Fundadas respectivamente em 1923 e 1947 nos bairros de Oswaldo Cruz e Madureira, elas se tornaram uma grande referência para os moradores da região.

Juntas, conquistaram 31 títulos, sendo 22 da Portela e 9 do Império Serrano. “A Portela é carinhosamente chamada de” A Majestade do Samba”, enquanto o Império Serrano, que tem sua origem no Morro da Serrinha, foi a primeira a possuir uma escola de samba mirim, a “Império do Futuro”, fundada em 1983.  As duas agremiações podem ser consideradas um marco na história do samba carioca”, afirma o parlamentar.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
30 de Novembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »