Coronavírus

MP abre inquérito para apurar responsabilidade de mortes no Hospital Ronaldo Gazolla

Prefeitura do Rio e Light tem prazo de 15 dias para prestarem esclarecimentos

Por Redação Tupi

(Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio)

O Ministério Público do Estado do Rio instaurou inquérito para apurar a responsabilidade pelas mortes de dois pacientes no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, ocorridas no último dia 07, supostamente devido à interrupção do serviço de energia elétrica na unidade hospitalar.

De acordo com o MP, inquérito irá apurar, entre outros fatores, se faltaram sistemas de retaguarda para a manutenção da vida dos pacientes internados no hospital.

A direção do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, a Empresa Pública Municipal Rio Saúde e a Light têm um prazo de 15 dias para esclarecerem, junto ao MPRJ, os fatos indicados no objeto da portaria de instauração do Inquérito Civil.

Em nota, a Light informou até o momento não recebeu nenhuma demanda do Ministério Público, mas que prestará os esclarecimentos solicitados.

A RioSaúde e a direção do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla também informaram que vão colaborar com o Ministério Público.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
06 de Junho de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Alexandre Ferreira
« Programa Anterior
17:00 - Super Futebol Tupi
03:00 - Show do Mário Belisário
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Samba Social Clube
15:00 - Show da Galera
21:00 - Show de Bola
12:00 - Patrulha da Cidade
06:00 - Ele & Ela
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »