Coronavírus

Prefeitura do Rio começa a usar contêineres para armazenar corpos de vítimas da Covid-19

As estruturas foram instaladas nos hospitais Ronaldo Gazolla, em Acari, Souza Aguiar, no Centro e Evandro Freire, na Ilha do Governador.

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) do Rio informou nesta segunda-feira (27) que já começou a usar estruturas de contêineres refrigerados, que foram anexadas em hospitais para acumular corpos de vítimas da Covid-19. De acordo com a SMS, os corpos que estavam em UPAs que não possuem necrotérios estão sendo transferidos desde sábado para armazenagem ao lado do Hospital Ronaldo Gazolla, em Acari, considerado referência para o tratamento de casos graves da pandemia do coronavírus.

Os contêineres vão servir de abrigos para os cadáveres enquanto as famílias providenciam o sepultamento. No total, foram instalados contêineres em três unidades na capital: No Ronaldo Gazolla, foram montadas três estruturas com capacidade total para receber 54 corpos. No Hospital Souza Aguiar, no Centro do Rio, foi instalado um contêiner para receber mais 18 cadáveres. E a outra unidade a abrigar os corpos é o Hospital Evandro Freire, na Ilha do Governador, que tem capacidade para seis cadáveres.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »