Educação

Colégio Militar proíbe a participação de seus alunos na Olimpíada Nacional de História do Brasil

Para a instituição, o evento "não atender ao interesse da proposta pedagógica do Sistema Colégio Militar"

Por Redação Tupi

Para a instituição, o evento “não atender ao interesse da proposta pedagógica do Sistema Colégio Militar”
(Foto: Reprodução)

Os alunos do Sistema Colégio Militar foram proibidos pela instituição de ensino de participarem da 11ª Olimpíada Nacional de História do Brasil, organizada pelo Departamento de História da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). As informações são da reportagem do jornal O Estado de São Paulo.

Segundo o Departamento de Educação e Cultura do Exército, o evento “não atender ao interesse da proposta pedagógica do Sistema Colégio Militar”. A decisão foi tomada após membros do órgão terem tido acesso ao conteúdo de algumas questões.

A avaliação do departamento foi que o conteúdo ali presente era inadequado para os estudantes da instituição. De acordo com a reportagem do Estado de São Paulo, o uso de palavrões em texto teria sido um das razões para a reprovação.

A decisão foi motivo de revolta para os estudantes. Para estes, a real motivação da decisão seria impedi-los de ter contato com questões que façam menção ao período de Ditadura Militar (1964-1985).

Ainda segundo a reportagem do Estadão, os alunos que participaram das etapas de seleção da olimpíada, desobedecendo a ordem, serão punidos pela instituição militar.

 

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Julho de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »