Celebridades

‘Não existiria Bossa Nova sem maconha’, diz Gilberto Gil

O cantor afirmou que a erva foi importante para o movimento da década de 1950

Por Redação Tupi

O cantor Gilberto Gil afirmou que a Bossa Nova não teria êxito se não fosse o uso da maconha. Na década de 1950, nomes como João Gilberto, Tom Jobim e Vinícius de Morais ficaram conhecidos com suas letras. A declaração de Gil foi feita durante bate-papo do projeto Cria, no Rio de Janeiro.

“A maconha tem uma coisa, ela clica uma coisa na interioridade, na consciência verbal que, ao menos pra mim, tinha isso de ensejar passeios mais tranquilos pelo campo da música, da melodia, do ritmo”.

Ele continua e afirma que

“aquela suavidade no João Gilberto, aquela intensidade moderada do Bob Marley; em tudo isso, sem dúvida nenhuma, a maconha teve papel enorme. Não existiria a Bossa Nova sem a maconha”.

Comentários
recomendadas
enquete

Guerra das Estrelas: que música você quer ouvir no 'Show do Clóvis Monteiro?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
11 de Novembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »