Entretenimento

‘Órfãos da Terra’: Dalila fica entre a vida e a morte

Rania visita a neta e pede perdão: 'Perdão, minha neta, por ter rogado uma praga contra você. Eu me arrependo tanto'

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução TV

Dalila vai ficar entre a vida e a morte nos próximos capítulos de ‘Órfãos da Terra’. Isso porque Robson sobrevive ao plano da vilã e arma uma cilada para se vingar. O rapaz decide esperar um tempo para pegar a rival de surpresa. É então que ele invade a casa da empresária e anuncia sua vingança.

“Eu vim acertar as contas com você”, diz Robson.

Sem esperar por uma resposta, Robson atira à queima roupa e foge da casa da vilã. Fauze encontra Dalila quase morta e chama a polícia. Em seguida, ele socorre a moça e leva até o Hospital. Almeidinha chega lá, mas a situação já é bem complicada.

“Ela vai ser operada de urgência. O estado dela é muito grave e o médico não sabe se ela vai resistir”, comenta Fauze.

O médico aparece para relatar o estado de saúde de Dalila.

“Uma artéria importante foi atingida e ela sofreu uma hemorragia extremamente severa. Nós induzimos o coma, para que se possa ter um maior controle da situação. Tanto o bebê quanto a mãe precisam que ocorra um verdadeiro milagre para continuarem vivos”, ressalta o médico.

Rania pede para visitar Dalila e acaba pedindo perdão para a neta.

“Perdão, minha neta, por ter rogado uma praga contra você. Eu me arrependo tanto! Vou rezar muito para Deus te deixar com vida. Quem sabe assim, você esquece o ódio e se torna uma pessoa melhor? Estou te esperando de braços abertos, viu, meu bem? Apesar de tudo, meu coração continua cheio de amor por você”, diz Rania, chorando.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »