Conecte-se conosco

Campeonato Brasileiro

Com gol de Werton, Flamengo arranca empate diante do Juventude na penúltima rodada do Brasileiro

Jovem atacante entra no segundo tempo e evita derrota do Rubro-Negro, no Alfredo Jaconi

Publicado

em

Juventude x Flamengo
(Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

No apagar das luzes! Em mais um jogo com time recheado de reservas – apenas Rodinei e João Gomes iniciaram -, o Flamengo saiu do Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, com um 2 a 2 diante do Juventude, na noite desta quarta-feira (9), pela 37ª e penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Matheuzinho inaugurou a contagem, Paulo Henrique e Jadson viraram, mas Werton entrou na etapa complementar e deixou tudo igual, nos acréscimos. O resultado ainda mantém a equipe da Gávea fora do G-4, em quinto lugar, com 62 pontos.

No primeiro tempo, o Rubro-Negro começou bem, com 1 minuto de partida, logo abriu o placar. Rodinei cruzou com a canhota na ponta direita, Cebolinha ajeitou para o meio da área e Matheuzinho, na outra trave, completou ao fundo das redes. Os cariocas controlaram as principais jogadas do duelo e até tiveram oportunidades de ampliar, em cabeçada de Fabrício Bruno e finalização de Victor Hugo. Já os mandantes procuravam os contragolpes rápidos, apostando nas bolas lançadas em velocidade para empatar.

E foi justamente assim que o Juventude deixou tudo igual, aos 35, quando o Flamengo era melhor no confronto. Paulo Henrique recebeu belo passe por cima de Vitor Mendes, arrancou praticamente do meio, carregou, colocou Pablo para comer poeira e bateu cruzado, sem chances para Hugo Souza. O 1 a 1 deu confiança aos donos da casa e, aos 42, veio a virada: Jadson testou firme após cruzamento de Paulo Henrique pela direita e encobriu o goleiro.

Na volta do intervalo, apesar do prejuízo estar do lado do Rubro-Negro, acabou sendo a equipe de Caxias do Sul que procurou marcar o terceiro. Tanto é que Jean Irmer, arriscando de longe, e Chico Kim, mandando uma bomba no travessão, quase balançaram a rede. A partida, até então movimentada, tornou-se arrastada, com muitas faltas e cartões amarelos. Os cariocas foram para cima e, depois de insistir bastante, arrancou o empate, nos acréscimos. O garoto Werton aproveitou batida torta de Ayrton Lucas, girou sobre o marcador e venceu César para decretar o 2 a 2, no Alfredo Jaconi.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *