Esportes

Hulk fala sobre estádio vazio e surto do coronavírus

Jogador afirmou que os médicos fazem bom trabalho para evitar a propagação da doença

Por Welligton Campos

Jogando com portões fechados em seu estádio, o Shanghai venceu o Buriram da Tailândia por 3×0 pela fase classificatória da Liga da Ásia. O capitão Hulk marcou o terceiro gol em cobrança de pênalti. Apesar do placar dilatado, Hulk diz que o jogo não foi fácil.

“O time deles é bom e chato. Também teve a dificuldade de ser o nosso primeiro jogo oficial. Eles jogaram fechados e só saiam para o contra-ataque. No segundo tempo soltamos mais, criamos mais chances e jogamos melhor. Aumentamos a intensidade e conseguimos uma boa vitória” comentou Hulk que pela segunda vez jogou em estádio sem torcida.

A outra vez foi pelo Zenit em 2012 quando o clube foi punido pela Federação Russa. “Lembro que estava muito frio. Sem torcedores e estava 18 graus negativo num jogo em dezembro. Foi muito difícil jogar. Estamos acostumados a jogar com torcedores. Gostamos de jogar com este ambiente. Esta situação atual na China temos que nos adaptar. Infelizmente foi por uma causa muito delicada, por causa do coronavírus. Aproveito para dizer que os médicos estão fazendo um trabalho muito bom de prevenção para não propagar a doença. Fiquei sabendo hoje que no feriado do Ano Novo chinês (dia 25), 150 médicos de Shanghai foram para a cidade de Wuham para ajudar as equipes médicas de lá, ajudando a salvar vidas. Parabenizo todos os chineses que estão trabalhando para eliminar este problema de grande preocupação” contou Hulk.

No clube há orientação para evitar locais de grande aglomeração como shoppings e restaurantes.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Setembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Nenhuma programação disponível
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »