Esportes

Justiça bloqueia R$ 82 mil de Romário para pagar ação que baixinho perdeu para o ex-companheiro Dunga

Senador tentou processar o técnico por danos morais em 2017

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação

Para entender como o desentendimento entre Dunga e Romário começou é preciso voltar para o ano de 2015, quando Romário concedeu uma entrevista ao jornal “Gazzeta Delo Sport” e disse ao veículo italiano que as convocações de Dunga, então técnico da seleção brasileira, tinha “interesses por trás”. Em abril de 2016, Dunga entrou com uma representação contra Romário em Brasília para que o senador respondesse por injúria e difamação. Na ocasião, as acusações foram arquivadas por conta da imunidade parlamentar concedida ao ex-jogador.

Romário não gostou da atitude de Dunga e decidiu processar o ex-companheiro de seleção brasileira por danos morais em 2017 no Tribunal de Justiça do Distrito Federal. A justiça negou o pedido de Romário, que cobrava R$ 500 mil de Dunga e determinou que o baixinho pagasse os honorário, que representava 16% da ação, cerca de R$ 82 mil. O valor foi retirado da conta de Romário e colocado em juízo. A informação foi veiculada inicialmente pelo site UOL.

 

Comentários
enquete

Qual é o tamanho da vantagem do Flamengo na Libertadores?
Carregando ... Carregando ...

recomendadas
AO VIVO

OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
Deixe sua mensagem
    Carregando...
24 de Agosto de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Nenhuma programação disponível
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »