Esportes

Luxemburgo pede para que torcida do Vasco pare com cantos homofóbicos

Partida contra o São Paulo foi paralisada aos 19 minutos por conta de provocações preconceituosas

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

O Vasco venceu o São Paulo neste domingo por 2 a 0, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. Mas nem tudo foi perfeito. Após Talles Magno abrir o placar, a torcida vascaína começou a provocar o rival com cantos homofóbicos. “Vi…, time de vi…”. O técnico Vanderlei Luxemburgo conversou com o árbitro, Anderson Daronco, e pediu para que os torcedores parassem com os gritos.

A partida foi paralisada aos 19 minutos por conta dos cantos. Os jogadores do Vasco, como o capitão Leandro Castán e Yago Pikachu, também conversaram com o árbitro e pediram para que a torcida parasse com os gritos.

Na última segunda-feira, o STJD decidiu que os clubes podem ser punidos com perda de pontos em casos de manifestações preconceituosos das torcidas nos estádios.

Comentários
recomendadas
enquete

Quem será a Campeã do Carnaval?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
27 de Fevereiro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Clóvis Monteiro
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »