Esportes

Vadão destaca qualidades das equipes adversárias do Brasil na Copa do Mundo

Treinador afirmou que futebol feminino no Brasil melhorou tecnicamente

Por Redação Tupi

Foto: Divulgação CBF

O Brasil está em Portugal se preparando para a Copa do Mundo de futebol feminino. Mas o técnico Vadão já vem observando as adversárias da Seleção Brasileira bem antes da competição ter o ponta pé inicial. Em entrevista coletiva antes da viagem, o treinador comentou sobre a qualidade técnica das equipes que a amarelinha irá enfrentar.

“Temos a Jamaica, que é surpresa, pois nunca tinha participado, já tínhamos visto vários jogos. É uma equipe que não foge da característica do futebol africano, muita estatura, atacantes altos, que sabem proteger. Pressionada, vai esticar a bola nesta atacante. É uma equipe forte, veloz. E podemos explorar outras coisas que percebemos, distância entre as linhas. Equipe nos moldes africanos. Austrália teve resultados muito bons nas últimas competições. É uma das favoritas nesta briga. E depois tem a Itália, que há pouco tempo não representava tanto em termos mundiais, mas houve grande investimento no futebol feminino, e a Itália tem a característica de compactação, sempre se defendeu bem. Com passes rápidos e jogadas rápidas pelas laterais. Uma Itália muito diferente do torneio de Manaus, quando fez a final com o Brasil. Ela teve uma ascensão muito grande nos últimos anos. A nossa chave é muito equilibrada, todo cuidado é pouco, e a dificuldade haverá para todas elas. Nossa preocupação é levar todas as adversárias com a mesma seriedade”, afirmou Vadão.

Além disso, o técnico da Seleção Brasileira comentou sobre o futebol feminino no Brasil. Antigamente a modalidade não tinha muita força, mas agora a maioria dos clubes já estão adquirindo o esporte e levando um bom público para os estádios.

“Tecnicamente falando, melhorou demais. Mesmo muitos times que não têm condições de treinar, ganham pouco, têm que trabalhar, acontece uma goleada ou outra. Tem times com regime profissional, outras ainda não. Mas tecnicamente agora tem onde buscar, onde observar. Fui ver Palmeiras x Moreninhas, em Vinhedo, o Palmeiras ganhou com facilidade, pois treina todo dia, e o adversário não. Tive oportunidade de analisar os atletas, amanhã podemos puxar e dar oportunidade em time melhor. Coisa que era muito difícil de fazer essa peneira, pois passavam poucos jogos pela televisão, e não tem muitos clubes em atividade. A dificuldade para garimpar é muito grande. Hoje tem 36 times na série B, tem onde olhar os atletas. O início foi dado, era o mais importante. Não podia fazer muitos projetos e não iniciar. O início tem dificuldades, Portugal também passa por isso. Os outros países para implantar também estão sofrendo, mas o mais importante é que foi implantando, e isso nos dá uma condição muito melhor”, ressaltou Vadão.
O Brasil estreia na Copa do Mundo no dia 9 de junho contra a Jamaica e irá em busca do seu primeiro título na competição.
Comentários
enquete

Ir de penetra em uma festa é muita cara de pau?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
15 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
13:10 - Show do Pedro Augusto
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »