Modal

Criança é obrigada a pular sem parar em trampolim e não resiste ao calor intenso

Autópsia revelou que a criança morreu de desidratação

Por Redação Brasil

Foto: Divulgação

Uma menina, de oito anos, morreu após ser obrigada por um casal a pular sem parar em um trampolim sob um calor de 43 graus, nos Estados Unidos. Daniel Schwarz, de 44 anos, e Ashley Schwarz, 34, foram presos na segunda-feira (12) e estão sendo acusados de assassinato. Eles não eram os pais biológicos da menina, mas eram tutores dela. A informação foi divulgada pelo jornalista Fernando Moreira, do jornal Extra.

De acordo com a polícia local, além do trampolim, a menina não teve permissão para tomar café da manhã, nem pôde beber água enquanto era obrigada a pular como punição, no dia 29 de setembro, dia da morte. Segundo a autópsia, a criança morreu de desidratação. As autoridades estimam que a temperatura do trampolim era de aproximadamente 110 graus.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »